Arte muda a vida de quem cumpre pena no Ceresp de Betim

Brumadinho e Mariana em Minas Gerais. Hiroshima e Nagasaki no Japão. As tragédias que ocorreram nessas quatro cidades interromperam milhares de vidas. Agora, a história desses desastres se cruzam em um museu para ajudar a reconstruir a vida de internos do Ceresp de Betim. Quem cumpre a pena busca um novo futuro por meio da arte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *